Síndrome de Viajante

As viagens muito longas sejam elas de carro, avião, ônibus, etc. muitas vezes acabam prejudicando a circulação dos membros inferiores (pernas e pé), atinge principalmente pessoas com incidência de problemas vascular e pode provocar flebites, tromboflebites ou até mesmo tromboses (TVP), esse período (superior a 4 horas) favorece a compressão prolongada das veias dos membros inferiores contra a borda dos assentos.

Nos aviões ainda tem dois agravantes, ambiente seco e baixa pressão atmosférica que favorece a desidratação, além do pouco espaço entre os assentos e fileiras, dificultando a circulação e favorecendo a formação de coágulos.

É importante lembrar que a ingestão de álcool ou medicamentos para dormir em viagens longas pode aumentar o relaxamento neuromuscular e dificultar o retorno venoso o que também favorece o surgimento dessas alterações vasculares, em especial a TVP.

É sempre importante lembrar que a TVP pode surgir durante as viagens ou até vários dias depois.

Afinal, o que é a TVP?

A Trombose Venosa pode ser em veias profundas intramusculares (TVP) ou em veias superficiais (Tromboflebite). É decorrente principalmente pela dificuldade ou impossibilidade de andar ou se movimentar durante as viagens de longa duração. Acontece o surgimento de um coágulo (trombo) dentro da veia e isso provocará uma reação inflamatória, que poderá resultar em uma trombose parcial ou total.

Os sintomas mais comuns e de inicio súbito são: dor importante, inchaço, sensação de peso, alteração da cor da pele, ficando mais arroxeada na TVP e avermelhada na tromboflebite. Além disso, a TVP é responsável por outra doença mais grave e muitas vezes fatal, a embolia pulmonar, que é quando um desses coágulos se desprende do vaso e é levado até o pulmão, gerando dificuldade respiratória e dor torácica.

Como se prevenir

  • Beber bastante líquido (não alcoólico), para evitar a desidratação;
  • Use roupas e sapatos confortáveis que não prejudiquem na circulação;
  • Use meias elásticas compressivas de acordo com a recomendação do seu médico vascular;
  • A cada duas horas faça exercício com os pés pra baixo e pra cima ou movimentos circulares, proporcionando a movimentação da panturrilha e com isso a melhora do retorno venoso;
  • Eleve os pés sempre que possível;
  • Se tiver casos na família de TVP, procure seu médico vascular antes desse tipo de viagem para que possa fazer uma prevenção mais direcionada.

E lembre-se se você tem problemas vasculares, procure seu médico para que ele te auxilie em suas viagens, assim você aproveita muito melhor o seu passeio.

Leave a comment